wrapper

Breves

terça, 05 setembro 2017 00:00

Detido sapador florestal suspeito de atear fogo na Covilhã

Suspeito era um elemento da própria equipa de sapadores que se encontrava no terreno. Incêndio foi dominado nesta manhã de segunda-feira. Cenário é "desolador", segundo o presidente da junta de freguesia de Paúl.

 

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou, esta segunda-feira, a detenção de um sapador florestal, de 34 anos, por suspeita de ter ateado o fogo que deflagrou no domingo no concelho da Covilhã, distrito de Castelo Branco.

Em comunicado, o Departamento de Investigação Criminal da PJ Guarda adianta que o suspeito foi detido ao "início da madrugada de hoje" e que este se encontrava no local numa ação de prevenção.

O detido é um elemento da própria equipa de sapadores florestais que se encontrava no terreno em missão de prevenção, mas que ateou o fogo de forma dissimulada, por meio de chama direta."

O presidente da junta já tinha confirmado à TVI24 a detenção de um homem pela Polícia Judiciária. Gabriel Gouveia não tem dúvidas de que haverá mão criminosa, seja este homem detido o responsável ou não. 

O incêndio em Paúl, na Covilhã, que deflagrou no domingo, pelas 17:00, foi dominado esta segunda-feira, por volta das 10:00. 

Há fumarolas que vão dando trabalho às equipas no terreno, entre meios terrestres e aéreos. Ontem, as temperaturas elevadas e o vento muito forte complicou os trabalhos. É precisamente o vento que ainda levanta preocupação nos trabalhos de rescaldo que estão a decorrer. 

É uma situação desoladora. Em linha reta foram três ou quatro quilómetros. A área é bastante grande", disse à TVI24 o presidente da junta de freguesia de Paúl, Gabriel Gouveia.

Não arderam casas, mas muitos palheiros foram consumidos pelas chamas.

Partilhar este artigo

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Eduardo Cabral

Os meses de fevereiro e março tiraram a Portugal e aos Portugueses a angústia duma seca severa que nem os mais otimistas acreditavam que voltasse a chover em Portugal. De facto, ao olharmos para todo o solo de Portugal, era desesperante vê-los ...

Joaquim Pimentel

Triste e lamentavelmente, perante a realidade da vida, que ninguém nos procure impingir a mentira de que a situação da Síria mexe com Assad, Trump, Putin, etc! Por mais razões que queiram invocar, a atitude destes “senhores” e de todos quantos a ...

Manuel Miranda

Mas tanta!... tanta gente de olhares em mim!... Eu sei que sou diferente… Que ando na vida para mim voltado, de todos os outros desencontrado!... Autista!… é o que de mim dizem. E outros que sou de perturbações do espectro do autismo. Outros ...

Estrela da Beira

A época das festas religiosas aproxima-se a passos largos. Estivemos novamente em Salamanca onde participámos na Procissão do Enterro (Sexta-feira Santa) e na Procissão do Encontro (Domingo de Páscoa) a convite da Cofradía de la Vera Cruz. É ótimo ...