wrapper

Breves

terça, 04 dezembro 2018 00:00

Orçamento Participativo Escolar: alunos propõem, comunidade decide

Intervenções de diversos âmbitos, destinadas a dotar espaços escolares de novas funcionalidades, constituem a base das propostas que estarão a votação até 13 de dezembro.

O Município de Seia voltou a dar voz aos alunos e, nesta que já é a 3ª edição do Orçamento Participativo Escolar, recebeu 7 propostas, com contributo dos alunos do Agrupamento de Escolas Dr. Guilherme Correia Carvalho, do Agrupamento de Escolas de Seia e do Centro Paroquial de Seia. 

“Aprende e Brinca na Escola de Santiago” (aquisição de equipamento diverso para criação de um espaço lúdico/pedagógico), “Brincar ao Ar Livre c/+ Conforto II” (colocação de relva artificial na Escola de Tourais-Paranhos), “Aprender na e com a Natureza” (transformação de espaços do logradouro da EB 2,3 Dr. Guilherme Correia de Carvalho em locais de convívio e de aprendizagem), “Incluir, Brincar, Divertir” (adaptação do parque infantil da Escola Básica Dr. Abranches Ferrão para alunos com necessidades educativas especiais), “A Aldeia Encantada dos Gnomos” (espaço de aprendizagem e brincadeira para o Pré-escolar do Centro Paroquial de Seia), CES - Auditório Interativo Inovador (equipar o auditório do Centro Escolar de Seia com equipamento mais versátil) e “Projeto Guarda-Chuva” (cobertura exterior na entrada/saída no portão principal da Escola Secundária de Seia) são os projetos colocados à apreciação da comunidade. 

O período de votação iniciou-se no sábado passado (1 de dezembro) e decorre até 13 de dezembro, em exclusivo na plataforma on-line: www.seiaparticipa.pt. Logo no dia seguinte serão conhecidos os quatro vencedores, desta experiência da cidadania participativa ao nível das escolas do concelho de Seia. 

O OP Escolas destina cinco mil euros a cada um dos projetos vencedores, num total de 20 mil euros. Trata-se de um incentivo ao envolvimento dos alunos nas decisões que afetem os seus interesses e os da escola, fomentando o espírito cívico e o sentido democrático nos mais novos. 

 

Partilhar este artigo

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Eduardo Cabral

Os meses de fevereiro e março tiraram a Portugal e aos Portugueses a angústia duma seca severa que nem os mais otimistas acreditavam que voltasse a chover em Portugal. De facto, ao olharmos para todo o solo de Portugal, era desesperante vê-los ...

Joaquim Pimentel

Triste e lamentavelmente, perante a realidade da vida, que ninguém nos procure impingir a mentira de que a situação da Síria mexe com Assad, Trump, Putin, etc! Por mais razões que queiram invocar, a atitude destes “senhores” e de todos quantos a ...

Manuel Miranda

Mas tanta!... tanta gente de olhares em mim!... Eu sei que sou diferente… Que ando na vida para mim voltado, de todos os outros desencontrado!... Autista!… é o que de mim dizem. E outros que sou de perturbações do espectro do autismo. Outros ...

Estrela da Beira

A época das festas religiosas aproxima-se a passos largos. Estivemos novamente em Salamanca onde participámos na Procissão do Enterro (Sexta-feira Santa) e na Procissão do Encontro (Domingo de Páscoa) a convite da Cofradía de la Vera Cruz. É ótimo ...