wrapper

Breves

segunda, 07 janeiro 2019 00:00

Pista de atletismo do Estádio Municipal de Seia vai ser renovada Destaque

A Câmara Municipal viu aprovada a candidatura ao Programa “BEM – Beneficiação de Equipamentos Municipais”, na ordem dos 190 mil euros, referente à renovação da pista de Atletismo do Estádio Municipal de Seia, anunciou Filipe Camelo, Presidente da Câmara Municipal de Seia, em reunião quinzenal do executivo. 

O contrato-programa para a recuperação da pista de atletismo estabelece uma comparticipação financeira de 113.594,40€ e foi rubricado no passado dia 20 de dezembro, numa cerimónia que contou com a presença do Secretário de Estado das Autarquias Locais, Carlos Miguel, o Secretário de Estado da Valorização do Interior, João Paulo Catarino, e da Presidente da Comissão de Coordenação de Desenvolvimento Regional (CCDR) do Centro, Ana Abrunhosa.

Para além de Seia, o programa abrange outras cinco autarquias da Região Centro (Almeida, Alvaiázere, Gouveia, Manteigas e Trancoso), que também receberão apoio financeiro para remodelar ou requalificar equipamentos municipais, em territórios de baixa densidade, no valor de 813 mil euros. 

Para o edil, a viabilização da proposta da recuperação da pista, intervenções necessárias e urgentes, permitirá qualificar a nossa pista de atletismo para a realização de provas oficiais, voltando a cumprir os requisitos da Associação Internacional das Federações de Atletismo, e garantirá neste concelho de interior a existência de uma infraestrutura desportiva digna e relevante para a afirmação de Seia no campo desportivo. 

As intervenções a realizar dotarão igualmente a pista das condições ideais para o treino do atletismo e outras modalidades associadas, nomeadamente para os dois clubes do concelho que disputam o Campeonato Nacional da 1ª Divisão (facto apenas igualado por Lisboa), beneficiando também a prática de atividade física dos munícipes, com mais de 10.000 utilizadores anuais.

Inaugurada em 2003, a pista de atletismo de Seia está inserida no Complexo Desportivo da Quinta da Nogueira, em conjunto com os campos de ténis e estádio municipal com relvado natural, e esteve homologada pela Federação Portuguesa de Atletismo até 2011, tendo durante este período sido utilizada constantemente para a realização de competições e treino.

As condições de utilização, mas em especial a exposição aos fatores climáticos da região, com temperaturas baixas (com gelo) no inverno e as temperaturas elevadas e exposição solar intensa do verão, levaram à degradação acelerada do pavimento, condicionando a utilização da infraestrutura para as várias modalidades, impedindo a sua utilização para a realização de provas desportivas oficiais. 

Além dos problemas visíveis de degradação de marcações e alguns danos superficiais, a pista apresenta problemas estruturais do pavimento que implicam a renovação parcial da camada superficial (tartan), acompanhando a candidatura a substituição de equipamentos da modalidade. 

 

Partilhar este artigo

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Eduardo Cabral

Fazendo uma retrospetiva à vida humana, concluímos que só bastante tarde é que nos damos conta que os dias e anos andam tão rápidos que até parece mentira. Todavia, a longevidade que em jovens julgamos nunca lá chegar, rapidamente a atingimos, ...

Joaquim Pimentel

Alguns anos após o 25 de Abril, mais precisamente quando aquela casta de políticos que serviram Portugal e os portugueses com verdadeiro espirito de missão, no Governo ou no Parlamento – a Casa da Democracia – colocando os interesses do país e do ...

Manuel Miranda

São doentes aos milhares em situação de risco. São notícias de milhares de cirurgias adiadas. São doentes oncológicos em risco de vida com cirurgias urgentes adiadas.  Um reduzido grupo de enfermeiros consegue fazer adiar cirurgias nos hospitais ...

Estrela da Beira

No passado dia 23 de fevereiro a Sociedade Musical Estrela da Beira (SMEB) fez um concerto de apresentação do 1º CD intitulado “Contemplar”.  Este CD enaltece toda a dedicação que a SMEB tem vindo a colocar em prol da música filarmónica e da ...