wrapper

Breves

quarta, 13 junho 2018 00:00

Município de Seia parceiro da ARSC pela promoção da alimentação saudável e da atividade física

O Município de Seia é um dos parceiros envolvidos na operacionalização da Estratégia Integrada para a Promoção da Alimentação Saudável e Promoção da Atividade Física, através da participação em vários projetos que nesse âmbito vão ser implementados pela Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC), I.P.

O protocolo de cooperação que estabelece essa participação foi assinado a 4 de junho, pela vereadora da Câmara Municipal, Margarida Nereu, pela Diretora-Geral da Saúde, Graça Freitas, e pela presidente da Administração Regional de Saúde do Centro, Rosa Reis Marques, no decurso de uma sessão que decorreu na sede da Cruz Vermelha Portuguesa, em Lisboa, com a presença do Ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, e do Diretor-Geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus.

No âmbito do acordo, a autarquia senense vai colaborar na implementação de um conjunto de medidas que têm como principais objetivos modificar a oferta alimentar de determinados alimentos, em particular os que apresentam elevado teor de açúcar, sal e gordura, incentivando a escolhas alimentares saudáveis, com a consequente melhoria do estado nutricional dos cidadãos, que associado à prática de atividade física, tem impacto direto na prevenção e controlo das doenças crónicas.

A avaliação de projetos como “pão.com”, “sopa.come” e ”tãodoce.não” e a sua implementação nos refeitórios escolares sob a gestão municipal são algumas das iniciativas a desenvolver. O incentivo à adoção de boas práticas alimentares nas escolas, com base no Programa Nacional de Promoção de Alimentação Saudável, é transversal aos projetos “lanches.come” da Administração Regional de Saúde do Centro, na promoção de coffee-break saudáveis, e "vending.saúde".

Informar e capacitar, através de ações de formação, profissionais da autarquia, escolas e das IPSS do concelho e a implementação de projetos de luta contra a obesidade são outras vertentes contempladas no acordo. 

O protocolo incide também na promoção da prática de atividade física, de acordo com o Plano de Ação Nacional para a Atividade Física, implementando em articulação com as Unidades de Saúde pública da ARSC, entre outras iniciativas, projetos como o “salta.acorda”, “Crescer káfora” e “Escola de Verão” nas escolas do primeiro ciclo.

 

Partilhar este artigo

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Eduardo Cabral

Fazendo uma retrospetiva à vida humana, concluímos que só bastante tarde é que nos damos conta que os dias e anos andam tão rápidos que até parece mentira. Todavia, a longevidade que em jovens julgamos nunca lá chegar, rapidamente a atingimos, ...

Joaquim Pimentel

Alguns anos após o 25 de Abril, mais precisamente quando aquela casta de políticos que serviram Portugal e os portugueses com verdadeiro espirito de missão, no Governo ou no Parlamento – a Casa da Democracia – colocando os interesses do país e do ...

Manuel Miranda

São doentes aos milhares em situação de risco. São notícias de milhares de cirurgias adiadas. São doentes oncológicos em risco de vida com cirurgias urgentes adiadas.  Um reduzido grupo de enfermeiros consegue fazer adiar cirurgias nos hospitais ...

Estrela da Beira

No passado dia 23 de fevereiro a Sociedade Musical Estrela da Beira (SMEB) fez um concerto de apresentação do 1º CD intitulado “Contemplar”.  Este CD enaltece toda a dedicação que a SMEB tem vindo a colocar em prol da música filarmónica e da ...