wrapper

Breves

quarta, 09 janeiro 2019 00:00

CDS questiona Governo sobre tempos de espera para Oftalmologia no Hospital de Seia Destaque

Os deputados do CDS-PP João Rebelo e Ana Rita Bessa questionaram hoje a Ministra da Saúde sobre o tempo de espera para consulta de Oftalmologia no Hospital Nossa Senhora da Assunção, em Seia.

Na pergunta enviada à tutela, os deputados do CDS-PP querem que a Ministra confirme que o tempo de espera da consulta de Oftalmologia no Hospital Nossa Senhora da Assunção, em Seia, “é de 1417 dias, e questionam o que justifica este tempo de espera muito acima do previsto na lei.”

Os deputados do CDS-PP querem também saber “se há mais especialidades na mesma situação nesta unidade de saúde e quais; se a Ministra está em condições de garantir que está a ser assegurado o acesso à saúde e a ser assegurada a qualidade da prestação de cuidados de saúde à população servida pelo Hospital Nossa Senhora Assunção, e, finalmente, que medidas estão a ser tomadas para resolver esta situação com a urgência que ela merece, de forma a não colocar em causa a saúde e a vida dos utentes.”

De acordo com uma notícia veiculada na edição em papel do Correio da Manhã de 8 de janeiro de 2019, há listas de espera para consultas que ultrapassam os mil dias.

É o caso da consulta de Oftalmologia no Hospital Nossa Senhora da Assunção, em Seia, cujo tempo de espera é de 1417 dias.

O CDS-PP considera que estes tempos de espera, muito acima dos previstos por lei, “representam extrema gravidade e são fonte de preocupação uma vez que existem problemas de saúde que exigem um diagnóstico atempado, por forma a não colocar em perigo a vida de ninguém, seja criança ou adulto”, referem os deputados.

Apesar de já por diversas vezes os Deputados do CDS-PP terem questionado a tutela, quer em audições na Assembleia da República quer através de perguntas escritas, entendem que, “face às notícias agora veiculadas, é absolutamente necessário obter esclarecimentos urgentes por parte da Senhora Ministra da Saúde.”

 

Partilhar este artigo

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Eduardo Cabral

Estamos quase no fim do mês de dezembro de 2019 e a entrarmos no ano de 2020.

Joaquim Pimentel

A leitura que vou procurando fazer no dia-a-dia duma vida muito ocupada e com acrescidas preocupações, permite alargar os meus conhecimentos os quais, confesso, são limitados e dar conta do que se vai passando em meu redor. Não resisto, pois, a ...

Manuel Miranda

Natal. As notícias não deixam esquecer o Natal. As televisões mandam jornalistas para os grandes centros comerciais para registarem os entusiasmados, a azáfama das compras. 

Estrela da Beira

2019 está já a terminar. Foi um ano cheio de muitas surpresas, de muitas atividades e de mudança para a nossa banda.