wrapper

Breves

A época das festas religiosas aproxima-se a passos largos. Estivemos novamente em Salamanca onde participámos na Procissão do Enterro (Sexta-feira Santa) e na Procissão do Encontro (Domingo de Páscoa) a convite da Cofradía de la Vera Cruz. É ótimo saber que, com trabalho, conseguimos obter a confiança deste grupo de confrades. 

No início deste mês (março) realizámos as audições da nossa Escola de Música onde foram avaliados os trabalhos práticos do 1º semestre. Trabalhar com crianças e jovens tem-se mostrado um verdadeiro desafio e acarreta algumas preocupações.

Notamos que, atualmente, a grande maioria das crianças e jovens têm muita dificuldade em manter-se concentrados por curtos períodos de tempo e fomos procurar informação acerca disso. O que encontrámos preocupa-nos ainda mais. 

Durante a pesquisa chegámos a um artigo que se intitula “Nunca tivemos uma geração tão triste” (uptokids.pt) e que realmente caracteriza a geração de jovens que temos hoje em dia. No artigo pode ler-se que “as crianças precisam de menos brinquedos e mais tempo com os pais, precisam de menos trabalhos de casa e mais tempo de brincadeira, precisam de menos individualismo e mais tempo para socializar com amigos, menos tempo entre paredes e mais tempo no exterior”. 

São, assim, crianças que precisam de uma maior estrutura e liberdade ao mesmo tempo. São crianças que precisam ser ensinadas e estimuladas a contemplar um só estímulo (uma paisagem, a página de um livro, uma fotografia, um gesto, entre outros exemplos unitários) sem estarem constantemente a serem levados a alterar o seu ritmo e viverem baseados no excesso de estímulo dado pelas redes sociais, jogos informáticos e ecrãs de entretenimento. 

São crianças que precisam sentir uma verdadeira empatia para com os seus pais que têm de ser mestres na vida dos filhos e, por isso mesmo, dar o exemplo sabendo ensinar a arte de fazer pausas e desligar do constante mundo de informação. Porém, nós somos capazes de o fazer? Temos de ser! A bem de uma geração mais calma, mais entusiasta com a vida e mais madura emocionalmente. 

É com esta reflexão que vos deixamos, esperando que tenham tido uma ótima Páscoa na companhia dos que vos são mais queridos. Que o convívio da Páscoa seja também um momento de calma na vida das nossas crianças. 

 

Próximos serviços da banda:

8 e 9 de abril: Nª Srª. do Campo

(Almendra)

Partilhar este artigo

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Eduardo Cabral

Fazendo uma retrospetiva à vida humana, concluímos que só bastante tarde é que nos damos conta que os dias e anos andam tão rápidos que até parece mentira. Todavia, a longevidade que em jovens julgamos nunca lá chegar, rapidamente a atingimos, ...

Joaquim Pimentel

Alguns anos após o 25 de Abril, mais precisamente quando aquela casta de políticos que serviram Portugal e os portugueses com verdadeiro espirito de missão, no Governo ou no Parlamento – a Casa da Democracia – colocando os interesses do país e do ...

Manuel Miranda

São doentes aos milhares em situação de risco. São notícias de milhares de cirurgias adiadas. São doentes oncológicos em risco de vida com cirurgias urgentes adiadas.  Um reduzido grupo de enfermeiros consegue fazer adiar cirurgias nos hospitais ...

Estrela da Beira

No passado dia 23 de fevereiro a Sociedade Musical Estrela da Beira (SMEB) fez um concerto de apresentação do 1º CD intitulado “Contemplar”.  Este CD enaltece toda a dedicação que a SMEB tem vindo a colocar em prol da música filarmónica e da ...