Eventos, Cultura e Lazer:

3ª Edição OCUPAR A VELGA regressa a Valezim

Entre os dias 3 e 11 de agosto, a...

50 anos do 25 de Abril: uma efeméride que é obrigatório comemorar

Nesta edição do jornal que precede o cinquentenário do 25 de Abril de 1974 torna-se para mim obrigatório recordar essa data que todos temos razão para viver de forma alegre e intensa.
A primeira palavra é naturalmente de gratidão e homenagem aos bravos capitães de Abril que, sabendo interpretar os anseios do povo português, puseram termo a 48 anos de ditadura, transformando a Revolução dos Cravos no principal marco histórico da segunda metade do século XX em Portugal.
Importa exaltar também a adesão entusiástica do povo português que, na sua sabedoria, percebeu desde a primeira hora as nobres intenções da revolução de Abril, potenciando assim a natureza pacífica de que se revestiu o ato revolucionário.
Nunca é demais recordar que os princípios orientadores da revolução de Abril assentavam nos famosos três “D”: Descolonizar, Democratizar e Desenvolver que, 50 anos depois, podemos afirmar se encontram, no essencial, devidamente cumpridos.
O processo de Descolonização, que não se pode dissociar do fim da guerra colonial e das mortes e incapacidades que a mesma provocou, foi algo complicado e teve algumas perturbações, mas acabaria por ter um desfecho relativamente positivo.

Opinião

O Nascer de uma Alvorada

Será com todo prazer e alegria que mais um...

Abril 2024 – 50 Anos de Democracia e Liberdade…

Comemorámos 50 anos de Democracia e Liberdade.Foi numa radiosa...

DESCOLONIZAR, DEMOCRATIZAR… e DESENVOLVER?

Aqueles que viveram o 25 de Abril recordam os...

Abril – o que falta fazer

No passar dos cinquenta anos do 25 de Abril,...

Plástico: um material útil mas extremamente perigoso

A descoberta do plástico teve origem na necessidade de...

Chegou o calor… mas os parasitas também!

Chegaram os dias mais longos, o sol quentinho a...
spot_img