wrapper

Breves

Estamos quase no fim do mês de dezembro de 2019 e a entrarmos no ano de 2020.

Por isso, e em primeiro lugar, saudamos o novo ano com alegria e esperança de uma vida mais tranquila, sem guerras e guerrilhas que tanta dor e sofrimento o ano anterior nos causou. 

Todos nós pedimos para que o ano de 2020 leve os homens a refletirem sobre os grandes problemas que afetam a humanidade, evitando conflitos, aliviando os homens, mulheres e crianças destas aflições constantes, com a ideia de um apocalipse. 

Sabemos que a inveja e a força do poder necessitam destes “ingredientes” para sobreviverem aos intentos da “malvadez” de que são possuidores e militam por esse mundo fora. 

Sabemos que a ideia de querermos o melhor para nós e os outros que se “virem” é uma realidade. 

Sabemos que, por causa do vil metal, as famílias desvanecem, negam as suas memórias, para reconhecerem, um dia, de que vale a pena tanta labuta, se ao nascer e morrer somos todos pobres? De que vale, então, a luta para querermos ter sempre mais e mais quando, de um momento para o outro, somos apenas matéria? 

Realmente, se reconhecemos isso quando somos mais novos, com a evolução da idade reparamos que o nosso tempo está a chegar ao fim. 

Portanto, temos que reconhecer, como Santa Teresa do Menino Jesus disse: “Que vale ao homem ganhar o mundo inteiro se vem a perder a sua alma”? 

Por isso devemos reconhecer isto como uma verdade intrínseca. Ao não fazê-lo, o resultado da nossa vida é nulo, insipiente e até acaba por se tornar um ser mórbido da sociedade. 

Assim, neste fim de ano de 2019, vamos continuar a viver a esperança que o Deus Menino nos deixou em nos amarmos uns aos outros, tornando-nos irmãos afetivos. 

Com esta realidade e com o coração cheio de alegria, me despeço desejando a todos em geral, um Ano de 2020 repleto de prosperidades.

Partilhar este artigo

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

À venda, nas bancas, a partir de dia 30, a edição Nº 570 do Jornal de Santa Marinha

 ASSINE ou RENOVE a ASSINATURA do Jornal de Santa Marinha. Contacte-nos!

Onde Comprar...

Pode comprar o Jornal de Santa Marinha assim como outros jornais e revistas nos seguintes estabelecimentos comerciais de Seia e São Romão:

---------------

Crisfal Papelaria (Rua Dr Simões Pereira 43) 

Casa Havaneza (Rua Dr Simões Pereira) 

Tutti-Frutti - Café Snack Bar (Av 1º de Maio, 14, Ed. Rodolfo) 

Porta Lápis - Livraria Papelaria Informática (Av 3 de Julho, A); 

Papelaria Oficina das Artes (Praça Comendador Joaquim F. Simões)

Seabra e Campos (Bombas BP); 

Shop Naf Seia (Galeria Comercial do Intermarché)

Livraria Papelaria Cafetaria Neves (R. Santo António, 1)

Eduardo Cabral

Estamos quase no fim do mês de dezembro de 2019 e a entrarmos no ano de 2020.

Joaquim Pimentel

A leitura que vou procurando fazer no dia-a-dia duma vida muito ocupada e com acrescidas preocupações, permite alargar os meus conhecimentos os quais, confesso, são limitados e dar conta do que se vai passando em meu redor. Não resisto, pois, a ...

Manuel Miranda

Natal. As notícias não deixam esquecer o Natal. As televisões mandam jornalistas para os grandes centros comerciais para registarem os entusiasmados, a azáfama das compras. 

Estrela da Beira

2019 está já a terminar. Foi um ano cheio de muitas surpresas, de muitas atividades e de mudança para a nossa banda.